Stephen Hawking, físico britânico, morre aos 76 anos

Professor da Unesp foi vizinho dele em Cambridge

Morreu nesta quarta-feira (14), em sua casa, o físico e pesquisador britânico Stephen William Hawking, aos 76 anos. A morte foi comunicada por sua família à imprensa inglesa.

“Estamos profundamente tristes pela morte do nosso pai hoje”, disseram seus filhos Lucy, Robert e Tim. “Era um grande cientista e um homem extraordinário, cujo trabalho e legado viverão por muitos anos”, afirmaram em um comunicado.

Hawking se tornou um dos cientistas mais conhecidos do mundo ao abordar temas como a natureza da gravidade e a origem do universo. No final da década de 1960, ganhou fama com sua teoria da singularidade do espaço-tempo, aplicando a lógica dos buracos negros a todo o universo. Ele detalharia o tema ao público em geral no livro “Uma breve história do tempo”, best-seller lançado em 1988. Em 2014, sua história de vida foi contada no filme “A teoria de tudo”, vencedor de um Oscar.

Como homenagem, republicamos texto de Mauro Galetti, professor da Unesp, que foi vzinho de Hawking em Cambridge:
http://www.unesp.br/portal#!/noticia/16805/stephen-hawking-meu-ilustre-vizinho/

Curiosa coincidência

Curiosamente, Hawking falece no mesmo dia, 14 de março, em que nascia em, em 1879, em Ulm, na Alemanha, Albert Einstein. Falecido em 1955, o físico teórico alemão, para alguns o maior gênio da humanidade, desenvolveu a teoria da relatividade geral, um dos pilares da física moderna ao lado da mecânica quântica, mas, seguramente é mais conhecido pela célebre fórmula de equivalência massa-energia, E=mc². E como esquecer aquela célebre foto com a língua para fora? É um ícone do século XX.

O Dia do PI

O Dia do Pi também é comemorado anualmente em 14 de março.

Esta data homenageia a emblemática constante de Pi, um número infinito que é representado pela 16ª letra do alfabeto grego.

Algumas pessoas consideram que o ápice do dia do Pi é às 1:59:26, pois forma uma aproximação maior com até a sétima casa decimal do Pi. Esta hora é chamada de “Segundo do Pi”.

Para algumas pessoas, no entanto, o verdadeiro “Segundo do Pi” ocorreu apenas uma única vez, em 14 de março de 1592, às 6:53:58.

A primeira comemoração do Dia do Pi aconteceu em 1988, em São Francisco, no Museu Exploratorium. Larry Shaw, considerado por muitos o “Príncipe do Pi”, foi o fundador desta data comemorativa.

A escolha da data 14 de março para o Dia do Pi justifica-se pelo modo como os americanos registram as datas, com o mês na frente do dia. Exemplo: MM/DD (modelo americano) e DD/MM (modelo brasileiro).

Nos Estados Unidos, a notação do dia 14 de março é 3/14, a aproximação mais conhecida do emblemático número de Pi (3,141592653589793238462643383…).

No dia do Pi, os fãs da matemática e das ciências exatas ainda celebram o aniversário de Albert Einstein (14 de março de 1879) e o aniversário da morte de Stephen Hawking (14 de março de 2018) dois dos maiores físicos de todos os tempos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *